Tanto o transporte marítimo como os portos devem ser pensados, não como entidades separadas, mas como componentes
interligados, como duas peças de uma engrenagem" Koji Sekimizu , Secretário-Geral da IMO

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

Atlânticoline -Horários para operação ferry de 2016


A empresa pública, Atlânticoline, encarregue do serviço de transporte de passageiros e viaturas  nos Açores, disponibilizou hoje no seu site os horários referentes à operação sazonal 2016. Observando o horário e a duração das viagens deduzo que serão utilizados os ferrys habituais, ou seja, o "Express Santorini" e o "Hellenic Wind", embora  a Atlânticoline ainda não tenha esclarecido este assunto.


Imagem: Atlânticoline

sábado, 30 de janeiro de 2016

"SAGA SAPPHIRE" no porto da Praia da Vitória




© Copyright fotos e texto: Cte Rui Carvalho, Terceira.
Esta quarta escala invernal do N/M "SAGA SAPPHIRE" no porto da Praia da Vitória destaca-se das restantes pelo facto de o navio nos ter premiado com uma "overnight". O mau tempo que encontrou no transito desde Southampton até à ilha Terceira fez com que a escala prevista para as 07h00 passasse para as 18h00, permitindo assim uma noite descansada e sem balanço aos 628 passageiros e 431 tripulantes a bordo. As excursões ficaram para a manhã do dia de sábado, as visitas foram por toda a noite e até à saída do navio. A viagem intitulada de "32 Days to Caribbean Calypso 2016" ficará reduzida da escala em St. Johns (Antígua e Barbuda) uma vez que o navio segue directo para Tortola (Ilhas Virgens Britânicas).
 Nome: SAGA SAPPHIRE.
Tipo: Passageiros/Cruzeiro.
IMO: 7822457.
Indicativo: 9HOF8.
MMSI: 256208000.
Bandeira: Malta.
Porto de Registo: Valletta.
Número Oficial: 7822457.
Operadores: Saga Cruises Ltd.- Folkestone, Inglaterra, Reino Unido.
Classe: Germanischer Lloyd.
Ano de Construção: 1981.
Data de Entrega: 06/12/1981.
Estaleiro: Bremer Vulkan AG- Bremen, República Federal Alemã. Casco#1001.
Comprimento Fora a Fora: 199,63 metros.
Comprimento entre Perpendiculares: 175,19 metros.
Boca Máxima: 28,55 metros.
Pontal: 12,98 metros.
Calado: 8,42 metros.
Altura: 47,84 metros.
Deslocamento: 26,771 toneladas.
Arqueação Bruta: 37,049 toneladas.
Arqueação Líquida: 13,555 toneladas.
Porte Bruto: 5,168 toneladas.
Número de Convés: 12, 10 para passageiros. Número de Cabines: 374. Número de Camas: 752. Número máximo de Tripulantes: 406.
Potência de Máquinas: 21,270 kW (28,918 hp), 130,00 rpm. 2 hélices FP, 130,00 rpm.
Velocidade de Serviço: 21,00 nós.
Potência de Geradores Auxiliares: 12,340 kW.
Número de Thrusters: 1. Potência: 1.120 kW.
Nomes Anteriores: Europa (12/1981-07/1999), Superstar Europe (07/1999-11/1999), Superstar Aries (11/1999-05/2004), Holiday Dream (05/2004-04/2008), Bleu De France (04/2008-02/2012).
Pesquisa de dados técnicos: Paul Peixoto, Boston, EUA.

domingo, 24 de janeiro de 2016

Operação de salvamento do ro-ro, "Repubblica di Genova" (Vídeo)

© Copyright foto: Zatte.
A 2 de maio de 2007, a Svitzer Salvage foi contratada pela, Grimaldi,  para a operação de salvamento do ro-ro, "Repubblica di Genova", que havia "tombado" sobre o caís do porto de Antuérpia, na Bélgica, a 8 de Março de 2007. O interessante vídeo publicado pela, Svitzer Salvage na sua página do Youtube, explica o processo utilizado para o salvamento do navio.

sábado, 23 de janeiro de 2016

Porto de Ponta Negra, República do Congo








© Copyright fotos: Cte Henrique Almeida, Congo.
Algumas fotos gentilmente partilhadas pelo amigo, Cte Henrique Almeida, relativas ao Porto de Ponta Negra,  República do Congo. Pointe-Noire (pronúncia: Puénte-Nuarre) ou Ponta Negra é a segunda maior cidade e principal centro comercial da República do Congo. No censo realizado em   2007 a sua população era de  1 100 000 habitantes.

Pointe-Noire está localizada na Baía de Pointe-Noire, Oceano Atlântico, e se desenvolveu em função da indústria petrolífera e da indústria da pesca. A economia de Pointe-Noire é baseada na exploração do petróleo, e atividades portuárias.

O Porto de Pointe Noire é o maior porto da República do Congo (África Central)
-Tráfego: 9.1 milhões de toneladas
-Docas: 4,8 Km
-Terminais especializados
-O Porto de Pointe Noire é um Programa de Investimento Prioritário da União Européia (128 milhões  EUR)
-Desenvolvimento de um Porto petrolífero (China Holdings e Bridge Corporação)
-Depósitos logísticos
-Refinaria
-Bolloré África logística ganhou a concessão do Terminal de contentores
-O Porto de Pointe Noire é a porta de entrada  para: a República Centro-Africana, o Chade,  Camarões, o Gabão, Angola, a  República Democrática do Congo
Fontes: Wikipédia; EENI - Escola de Negócios.

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Governo dos Açores indica João Vargas para vogal do Conselho de Administração da Portos dos Açores, S.A.

© Copyright foto: MM Bettencourt. 
Logo: Portos dos Açores, SA
João Vargas será o novo vogal do Conselho de Administração da Portos dos Açores, S.A., substituindo Miguel Correia, que deixa o cargo por razões profissionais.

João Vargas, de 39 anos, é licenciado em Engenharia Civil pelo Instituto Superior Técnico (IST) e membro Sénior da Ordem dos Engenheiros.

O novo vogal do Conselho de Administração da Portos dos Açores, S.A. concluiu o programa curricular do Master Business of Administration (MBA) em Gestão, promovido pela Universidade Autónoma de Lisboa, tendo ainda realizado os cursos de “Projeto em Obras Marítimas” e de "Abrigo Portuário, Agitação, Marítima e Seichas", ambos promovidos pelo IST.

Atualmente exercia o cargo de Vice-Presidente do Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores, tendo antes desempenhou durante vários anos funções de coordenação e direção de obras públicas numa empresa do ramo da construção civil e obras públicas.

João Vargas inicia funções na Portos dos Açores, S.A. na segunda-feira, 25 de janeiro.

© Texto: GaCS/HB

quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

"Nordana Star", nas Flores

© Copyright fotos: Tito Nóia, Flores.
Fontes: Nordana ; Shymphony Shipping; Ferus Smit.
Um interessante e oportuno conjunto de fotos da autoria do amigo, Tito Nóia,  que registam a passagem pela ilha das Flores do navio, "Nordana Star", operado pela empresa dinamarquesa, Nordana. Este  é o segundo navio de uma série de seis encomendados aos estaleiros, Ferus Smit, localizados em Leer na Alemanha pela empresa  holandesa, Symphony Shipping. O navio segue com destino ao porto de Argentia, no Canadá, e segundo se pode depreender das imagens públicadas na página da Symphony Shipping, este carregou no porto  de Paldiski, Estónia um guindaste offshore (Ver aqui). A pausa na sua viagem e estadia ao abrigo da ilha, permitiu conhecer não apenas o navio mas  também um pouco da história do seu operador.

IMO:  9721645
MMSI:  244860255
Ind. chamada:  PCSX
Bandeira: Holandesa
Tipo:  Carga geral / Heavy lift
T. A.B.:  6749 tons
D. W.T.:  10600 tons
Comprimento:  122.5 mts
Boca: 17 mts
Ano de construção:  2015
Gruas: 2 x 85 tons

 O nome Nordanå advém da origem norueguesa e dinamarquesa (Norwegian and Danish)  da empresa. A sua actividade teve início em 1957 com uma joint venture entre a norueguesa Fearnley & Eger e a dinamarquêsa DFDS. Mais tarde F & E decidiu retirar-se do serviço e continuando a gestão dinamarquesa, mas o nome continua tão forte como nunca. Inicialmente, o serviço tinha por base  carryings desde o Mediterrâneo ao Caribe, América Central e  México, e os navios regressavam ao Mediterrâneo através EUA / Escandinávia. Com a retoma da exploração de petróleo e gás no norte da África, um serviço direto dos EUA para Mediterrâneo foi implementado em 1961, e as escalas em portos escandinavos foram suspensas. Em 1969 foram adicionados ao serviço quatro navios irmãos convencionais com 85 toneladas de capacidade de carga pesada para dar resposta à crescente demanda pelo transporte de peças maiores e mais pesadas ​ para o Norte de África.
 Com o aumentando do congestionamento nos portos do Norte de África  tornou-se evidente que a havia a necessidade de navios especializados  para obter prioridade na atracação. Em 1979 foram introduzidos quatro navios Multipurpose RoRo. Os navios ofereciam um conceito totalmente novo único e sofisticado na movimentação de carga para o comércio e para o benefício distinto de muitos clientes diferentes da linha. Com a introdução de um conceito de RoRo mais avançado, os navios obtinham despachos rápidos, mesmo nos portos mais difíceis. A Nordanå desde então tem expandido o âmbito geográfico, a melhoria das frequências e ampliou os seus serviços para se tornar um dos principais transportadores regulares Multipurpose RoRo. Hoje a Nordanå é reconhecida como uma empresa portadora de especialidade, capaz de acomodar diferentes necessidades de seus clientes para movimentação de carga, confiabilidade e escalas.








Graneleiro, "SEA PEACE D" na Praia da Vitória





© Copyright texto e fotos: Cte Rui Carvalho, Terceira.
Pesquisa de dados técnicos: Paulo Peixoto, Boston EUA.
Registo fotográfico do segundo Handymax a escalar o porto da Praia da Vitória desde que este foi construído em 1990. O primeiro foi o N/M "LIAN HUA HAI" (ver aqui) que estabeleceu um recorde de dimensão para o porto. Este N/M "SEA PEACE D" é praticamente do mesmo tamanho, e abre o ano dos graneis em grande. Descarrega 10.500 toneladas de milho amarelo, para os recebedores UNICOL e TERCEIRENSE RAÇÕES, milho que foi carregado no porto búlgaro de Varna juntamente com mais três lotes para os portos de Ponta Delgada, Las Palmas e Tenerife. Destes falta a descarga em São Miguel lá para o fim da semana.
 Nome: SEA PEACE D.
Tipo: Graneleiro.
IMO: 9214848.
Indicativo: V7EL3.
MMSI: 538005488.
Bandeira: Ilhas Marshall.
Porto de Registo: Majuro.
Número Oficial: 5488.
Donos e Operadores: Baru Delta Maritime Inc.- Pireu, Grécia.
Classe: Nippon Kaiji Kyokai.
Ano de Construção: 2000.
Estaleiro: Kanasashi Heavy Industries Co. Ltd.- Toyohashi, Japão.- Casco#3521.
Comprimento Fora a Fora: 183,04 metros.
Boca: 31,00 metros.
Calado: 11,67 metros.
Arqueação Bruta: 26,084 toneladas.
Porte Bruto: 46,786 toneladas.
Número de Tripulantes: 25.
Gruas: 4X 30,00 toneladas.
Potência de Máquina: 7,488 kW (10,181 hp), 114,00 rpm. 1 hélice FP, 114,00 rpm.
Velocidade de Serviço: 14,30 nós.
Velocidade Máxima: 16,20 nós.
Potência de Geradores Auxiliares: 1,260 kW.
Nomes Anteriores: Tarapaca (06/2000-03/2013), Sea Peace (03/2013-03/2014).


domingo, 17 de janeiro de 2016

"Ponta do Sol", primeira escala de 2016






Primeira escala do porta-contentores, "Ponta do Sol", no porto da Graciosa, ontem dia 16 de Janeiro. Após mais de 2 anos de absoluta regularidade, esta foi interrompida devido a uma séria de factores, entre eles a greve dos estivadores no porto de Lisboa, e o mau tempo que tem assolado estas ilhas ultimamente. 

sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Efeitos do furacão "Alex" no Porto da Praia da Vitória









© Copyright fotos: Cte Guilherme Bettencourt, Terceira.
O furacão, "Alex", prometia ventos que podiam atingir rajadas de 170 kms/h e ondulações entre 10 a 12 com a possibilidade de atingir uns assustadores 18 metros. Felizmente o Alex acabou por não cumprir as "promessas"! Mesmo assim, ainda conseguiu  "chatear" os colegas e os navios atracados no porto da Praia da Vitória.