Tanto o transporte marítimo como os portos devem ser pensados, não como entidades separadas, mas como componentes
interligados, como duas peças de uma engrenagem" Koji Sekimizu , Secretário-Geral da IMO

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

N/T "CORAL ELECTRA"

 Veio substituir o habitual "OCEAN PRIMERO" que anda cheio de pequenos problemas e a precisar de umas grandes reparações. Para já dizem que é só uma viagem, para nós poderia cá ficar por muito tempo e já agora "EXPLICAR" a quem desgraçadamente nos "Desgoverna" como é que se controem navios com as dimensões certas e adequados às realidades dos portos Açorianos.
DADOS TÉCNICOS:

Nome: CORAL ELECTRA
Data e Hora da entrada: 18.01.2011
Indicativo de chamada: PCAG
Nº IMO: 9261566
Porto de registo: ROTERDÃO
Bandeira: HOLANDA
Ano de construção: 2003
Comprimento f. a f.: 75,00 mts.
Boca máxima: 14,20 mts.
Porte (DWT): 3090 tons.
Arqueação bruta: 2708 Mtons.
Arqueação líquida: 820 Mtons.
Calado máximo à entrada: 5,80 mts.
Último porto: HORTA.
Próximo porto: PONTA DELGADA.
Tipo de carga: Gás Butano.
Potência do auxiliar de proa: 300 Kw.
Propulsão: 2 Azimutais - 3000 Kw.
Armador: Veder Randerijzaken BV.
Agência: Thomé de Castro - José Soares.
Nome do Comandante: J. Postinia.
Piloto de serviço: Miguel Conceição.
(©) Copyright fotos: Henrique D´Almeida, Praia da Vitória.
(©) Copyright texto: Rui Carvalho, Praia da Vitória.

Sem comentários: