Tanto o transporte marítimo como os portos devem ser pensados, não como entidades separadas, mas como componentes
interligados, como duas peças de uma engrenagem" Koji Sekimizu , Secretário-Geral da IMO

quarta-feira, 31 de maio de 2017

"Hanseatic" de regresso à ilha Graciosa



© Copyright fotos: MM Bettencourt, Graciosa.
Pesquisa de dados técnicos: Paul Peixoto, Boston EUA.
O porto da Graciosa registou hoje a escala do navio de cruzeiros, "Hanseatic", da companhia alemã Hapag Lloyd Expeditions Cruises. O navio chegou proveniente da ilha do Corvo, e irá zarpar cerca das 24 horas rumo à ilha Terceira, mais concretamente com destino ao porto  Pipas. Esta é a terceira visita do navio à ilha Graciosa, depois de ter efectuado a sua estreia a 25 de Maio de 2015, Sejam Bem-vindos!
Nome: HANSEATIC.
Tipo: Passageiros/Cruzeiro.
IMO: 9000168.
Indicativo: C6KA9.
MMSI: 309577000.
Bandeira: Bahamas.
Porto de Registo: Nassau.
Numero Oficial: 720407.
Donos: Hapag-Lloyd AG- Hamburgo, Alemanha.
Operadores: Hanseatic Cruises- Hamburgo, Alemanha.
Classe: Germanischer Lloyd.
Ano de Construção: 1991.
Data de Entrega: 28/06/1991.
Estaleiro: Rauma Yards Oy- Rauma, Finlândia. Casco#306.
Comprimento Fora a Fora: 122,73 metros.
Comprimento entre Perpendiculares: 105,45 metros.
Boca: 18,00 metros.
Pontal: 7,00 metros.
Calado: 4,90 metros.
Deslocamento: 5,892 toneladas.
Arqueação Bruta: 8,378 toneladas.
Arqueação Liquida: 2,554 toneladas.
Porte Bruto: 1,177 toneladas.
Numero de Convés: 6. Numero de Cabines: 94. Numero de Camas: 184. Numero de Tripulantes: 125.
Potencia de Maquinas: 5,880 kW (7,994 hp), 600,00 rpm. 2 hélices CP, 190,00 rpm.
Velocidade de Serviço: 14,00 nos.
Velocidade Máxima: 17,00 nos.
Potencia de Geradores Auxiliares: 4,400 kW.
Potencia de Thruster: 770,00 kW (1,047 bhp).
Nome Anterior: Society Adventurer (06/1991-1992).


segunda-feira, 29 de maio de 2017

ORIANA - TERCEIRA ESCALA NA PRAIA DA VITÓRIA EM 2017




© Copyright fotos: Cte Rui Carvalho, Terceira.
Num dia HORROROSO de chuva e vento registamos a terceira escala em 2017 do paquete "ORIANA" no porto da Praia da Vitória, que embora as adversidades atmosféricas estabeleceu um recorde de 15 autocarros e uma carrinha de transporte especial ao seu serviço. Largas centenas de passageiros aproveitaram a escala para visitar um pouco da Ilha Terceira e as suas duas cidades, sem espinhas.

sábado, 27 de maio de 2017

REBOCADOR "MONTALVO" E BARCAÇA "SACYR UNO" NA PRAIA DA VITÓRIA



© Copyright texto e fotos: Cte Rui Carvalho, Terceira.
Momento da aproximação ao cais -10 do porto da Praia da Vitória do rebocador "MONTALVO" formando trem com a barcaça "SACYR UNO". Esta barcaça irá participar na construção de dois caixotões destinados ao alargamento da plataforma do Porto da Casa na ilha do Corvo.

Nome: MONTALVO.
Tipo: Rebocador.
IMO: 7508037.
Indicativo: CSDK.
MMSI: 263610000.
Bandeira: Portugal.
Porto de Registo: Setúbal.
Donos e Operadores: Rebonave- Setúbal, Portugal.
Ano de Construção: 1976.
Estaleiro: Sing Koon Seng Pte. Ltd.- Singapura- Casco#SKS280.
Comprimento Fora a Fora: 37,42 metros.
Boca: 10,00 metros.
Calado: 4,42 metros.
Arqueação Bruta: 469,00 toneladas.
Arqueação Líquida: 140,00 toneladas.
Tracção Fixa: 49,00 toneladas.
Potência de Máquinas: 3,090 kW (4,202 hp), 900,00 rpm. 2 hélices FP.
Velocidade Máxima: 12,00 nós.
Nomes Anteriores: Mammoth Tiger (1976-01/1993), Miclyn Moon (01/1993-03/1996).

Nome: SACYR UNO.
Tipo: Batelão sem Propulsão.
Donos: Sacyr Vallehermoso, S.A.- Madrid, Espanha.
Ano de Construção: 2005.
Estaleiro: Metalships & Docks- Vigo, Espanha.
Comprimento: 56,00 metros.
Boca: 36,00 metros.
Calado Máximo: 13,90 metros.
Deslocamento: 1,260 toneladas.
Comprimento das colunas: 6,00 metros.
Largura das colunas: 3,00 metros.
Profundidade das colunas: 15,90 metros.


sexta-feira, 19 de maio de 2017

Estreia do HSC "Master Jet", no porto da Graciosa








© Copyright fotos: MM Bettencourt.
Registo da estreia hoje no porto da Graciosa do HSC "Master Jet". Não sendo o primeiro fast ferry que opera ao serviço da Atlânticoline, é contudo, o primeiro do tipo catamaran, e por curiosidade o 3º navio que opera nos Açores que já pertenceu à frota da Steam Packet Company (Lady of Mann; Viking; Snaefell) .
Nome: Master Jet
IMO: 8900012
Ind. Chamada: 5BKD3
Bandeira: Chipre
Porto de registo: Limassol
T.A.B. 3003 Tons
T.A.L. 901 tons
D.W.T 660 tons
Estaleiro : Incat Tasmania Pty Ltd
Ano: 1991
Comprimento: 74,0 m
Boca: 26,0 m
Calado: 2,4 m
Máquinas:4 x Ruston 16R K270 (19840 hp)
Velocidade: 36  nós.
Passageiros: 700
Viaturas: 85
Snaefell (2011-2012) - Isle of Man Steam Packet Company
Snaefell (Master Jet) (2011) - Seajets
Snaefell (2007-2011) - Isle of Man Steam Packet Company
Sea Express 1 (2006-2007) - Isle of Man Steam Packet Company
Sea Express 1 (2006) 
Sea Express 1 (2006) - Isle of Man Steam Packet Company
Sea Express 1 (2005-2006) 
Sea Express 1 (2005) - Irish Sea Express
SeaCat Isle of Man (1998-2005) - Isle of Man Steam Packet Company
SeaCat Isle of Man (1997-1998) - Hoverspeed
SeaCat Isle of Man (1997) - Isle of Man Steam Packet Company
SeaCat Norge (1996-1997) - Hoverspeed
SeaCat Norge (1996) - ColorSeaCat
SeaCat Isle of Man (1994-1996) - Isle of Man Steam Packet Company
SeaCat Boulogne (1993-1994) - Hoverspeed
Sardegna Express (1992-1993) - Sardinia Express
Hoverspeed France (1991-1992) - Hoverspeed





Estreia do HSC "Master Jet", no porto de São Roque







© Copyright fotos: Rui Miranda, Pico.
Registo fotográfico da autoria do amigo, Rui Miranda, referente à estreia hoje do HSC "Master Jet", no porto de São Roque, ilha do Pico. 

quinta-feira, 18 de maio de 2017

Estreia do HSC "Master Jet", no porto da Praia da Vitória









© Copyright fotos: Mário Silva; Cte Rui CArvalho, Terceira
Teve inicio hoje a operação ferry da Atlânticoline, com o estreante "Master Jet" a efectuar a primeira viagem entre Ponta Delgada e Praia da Vitória e posterior ligação à Horta. Este ano a empresa publica utiliza dois HSC, ao contrário de anos anteriores em que um navio era do tipo convencional e outro HSC. As imagens são referentes à sua estreia no porto da Praia da Vitória
Nome: Master Jet
IMO: 8900012
Ind. Chamada: 5BKD3
Bandeira: Chipre
Porto de registo: Limassol
T.A.B. 3003 Tons
T.A.L. 901 tons
D.W.T 660 tons
Estaleiro : Incat Tasmania Pty Ltd
Ano: 1991
Comprimento: 74,0 m
Boca: 26,0 m
Calado: 2,4 m
Máquinas:4 x Ruston 16R K270 (19840 hp)
Velocidade: 36  nós.
Passageiros: 700
Viaturas: 85
Snaefell (2011-2012) - Isle of Man Steam Packet Company
Snaefell (Master Jet) (2011) - Seajets
Snaefell (2007-2011) - Isle of Man Steam Packet Company
Sea Express 1 (2006-2007) - Isle of Man Steam Packet Company
Sea Express 1 (2006) 
Sea Express 1 (2006) - Isle of Man Steam Packet Company
Sea Express 1 (2005-2006) 
Sea Express 1 (2005) - Irish Sea Express
SeaCat Isle of Man (1998-2005) - Isle of Man Steam Packet Company
SeaCat Isle of Man (1997-1998) - Hoverspeed
SeaCat Isle of Man (1997) - Isle of Man Steam Packet Company
SeaCat Norge (1996-1997) - Hoverspeed
SeaCat Norge (1996) - ColorSeaCat
SeaCat Isle of Man (1994-1996) - Isle of Man Steam Packet Company
SeaCat Boulogne (1993-1994) - Hoverspeed
Sardegna Express (1992-1993) - Sardinia Express
Hoverspeed France (1991-1992) - Hoverspeed


segunda-feira, 15 de maio de 2017

Visita aos portos de, Velas, Calheta, São Roque e Madalena

Porto das Velas, São Jorge




© Copyright texto: Mário Lima, Departamento de Gestão Ambiental, Higiene e Segurança no Trabalho.
Fotos relativas à visita feita no dia 10 de maio aos portos da Calheta, das Velas e marina, na ilha de São Jorge e dia seguinte no Porto de São Roque e Gare Marítima da Madalena, Ilha do Pico.
No porto das Velas está a decorrer a empreitada de prolongamento do cais comercial e respetivo molhe de proteção, em mais 150 metros, inclui a construção de uma nova gare de passageiros, adjacente à rampa Ro-Ro para navios ferry e o reordenamento dos espaços envolventes, bem como a edificação de um armazém destinado a oficinas e garagem dos equipamentos de movimentação das mercadorias e a instalação de redes técnicas (água, energia elétrica, combate a incêndios e combustíveis), no prolongamento do cais, a par da reabilitação/beneficiação das redes já existentes.

Um agradecimento especial pela atenção dispensada por todos os colegas de cada Ilha e instalação.
                                          Porto da Calheta, São Jorge.

Porto de São Roque, Pico

Porto da Madalena, Pico