Tanto o transporte marítimo como os portos devem ser pensados, não como entidades separadas, mas como componentes
interligados, como duas peças de uma engrenagem" Koji Sekimizu , Secretário-Geral da IMO

sexta-feira, 30 de junho de 2017

Parceria, Transinsular/Maersk, será verdade?

© Copyright fotos: MM Bettencourt, Graciosa
Por esta altura do ano para quem gosta de futebol, é tempo de rumores sobre possíveis contratações, algumas tornam-se realidade, outras não. No mundo do shipping também existem rumores e alguns super interessantes, como é o caso do ultimo, que fala sobre uma eventual parceria entre a empresa portuguesa, Transinsular, e o maior armador  do planeta, a dinamarquesa, Maersk Line. Segundo o tal rumor, essa parceria irá originar a saída da frota alguns navios desadequados à actual gestão da capacidade de carga, e a entrada de outros com um subsequente aumento dessa capacidade. Esperemos para ver se existe fundamento neste rumor!


Estreia do N/D "Baixio" nas Flores






© Copyright fotos: Tito Nóia, Flores.
Fotos de mais uma estreia hoje na ilha das Flores, desta vez a draga, "Baixio",  propriedade da empresa Tecnovia. A presença desta draga na ilha das Flores visa suprir a necessidade de areia da empresa sua proprietária, que tem a decorrer nesta altura na ilha das, Flores, e  Corvo, várias obras.
Nome: Baixio
Tipo: Draga de sucção
Construtor: Astilleros Valina  - Espanha - Ano: 1982
Comprimento: 71,02 mts
Boca: 12 mts
Calado: 3,5 mts
 -TAB: 1251 tons 
 Velocidade: 11 kn
Capacidade: ? m3



Estreia do paquete "Boudicca", na ilha das Flores





© Copyright fotos: Tito Nóia, Flores.
Dados técnicos: Paul Peixoto, Boston EUA.
Registo da estreia do paquete "BOUDICCA", da companhia FRED OLSEN Cruise Lines na bela ilha das Flores. Um dia para ficar gravado na memória dos florentinnos uma vez que é a primeira vez que um navio desta dimensão visita as Flores. Na memória dos passageiros terá ficado certamente  a beleza das paisagem desta ilha. Um Agradecimento ao nosso Amigo, Tito Nóia, pela partilha das imagens.
Nome: BOUDICCA,
IMO: 7218395.
Indicativo: C6VA3.
MMSI: 309964000.
Bandeira: Bahamas.
Porto de Registo: Nassau.
Matricula: 8001101.
Donos: Fred Olsen & Co.- Olso, Noruega.
Operadores: Fred Olsen Cruise Lines, Ltd.- Ipswich, Inglaterra, Reino Unido.
Class: Det Norske Veritas.
Ano de Construcao: 1973.
Estaleiro: Oy Wartsila Ab- Helsinquia, Finlandia. Casco#396.
Comprimento Fora a Fora: 206,96 metros.
Comprimento entre Perpendiculares: 169,73 metros.
Boca Maxima: 25,20 metros.
Pontal: 13,67 metros.
Calado: 7,55 metros.
Altura: 46,60 metros.
Arqueacao Bruta: 28,551 toneladas.
Arqueacao Liquida: 11,714 toneladas.
Porte Bruto: 5,956 toneladas.
Numero de Conves: 8.
Numero de Cabines: 437.
Numero de Camas: 900.
Numero de Tripulantes: 320.
Potencia Total de Maquinas Principais: 14,000 kw (19,036 hp), 750,00 rpm. 2 helices CP.
Numero de Maquinas Auxiliares: 6. 3X Caterpillar e 3X Wartsila.
Velocidade de Servico: 18,50 nos.
Potencia de Geradores Auxiliares: 6,740 kw.
Numero de Thrusters: 2.
Nomes Anteriores: Royal Viking Sky (1973-1991), Sunward (1991-1992), Birka Queen (1992), Sunward (1992-1993), Golden Princess (1993-1996), Superstar Capricorn (1996-1998), Hyundai Kumgang (1998-2001), Superstar Capricorn (2001-2004), e Grand Latino (2004-2005). 






sábado, 24 de junho de 2017

Obra da Barra (Parte 1)

© Copyright fotos: MM Bettencourt, Graciosa.
"O Governo dos Açores, através da Secretaria Regional do Mar, Ciência e Tecnologia, adjudicou à empresa Tecnovia-Açores a empreitada de proteção e estabilização da zona costeira da Barra, em Santa Cruz da Graciosa, num investimento superior a sete milhões de euros.
Esta intervenção, inscrita na Carta Regional de Obras Públicas, tem um prazo de execução de 18 meses e consistirá na construção de um quebramar com cerca de 225 metros de comprimento, enraizado no lado norte da baía.
A empreitada prevê ainda a proteção marginal de uma nova área de terrapleno de 3.500 metros quadrados, bem como trabalhos de dragagem e a construção de um passadiço pedonal elevado.
As obras de proteção e requalificação da orla costeira da Barra vão permitir valorizar esta zona da ilha Graciosa, possibilitando investimentos futuros.© Copyright texto: GACS."

As fotos são referentes ao dia de hoje, e mostram o actual estado da obra. Sempre que possível publicarei regularmente as actualizações.









terça-feira, 20 de junho de 2017

ESTREIA DO N/M "HC NADJA-MARIA" NO PORTO DA PRAIA DA VITÓRIA


© Copyright texto: Cte Rui Carvalho, Terceira.
© Copyright fotos: Francisco Nunes; Cte Rui Carvalho.
Pesquisa de dados técnicos: Paul Peixoto, Boston EUA.
Mais um pequeno graneleiro carregado de palmiste e sêmea de trigo com origem africana a descarregar no porto da Praia da Vitória. O N/M "HC NADJA-MARIA" manifesta 4.040 toneladas de carga para os recebedores UNICOL e TERCEIRENSE RAÇÕES em partes iguais e com o mesmo destino final, rações para bovinos, principalmente.
Nome: HC NADJA-MARIA.
Tipo: Carga Geral/Contentores.
IMO: 9214173.
Indicativo: V2AV4.
MMSI: 304204000.
Bandeira: Antigua e Barbuda.
Porto de Registo: St. John's.
Número Oficial: 3556.
Donos e Operadores: IMM Shipping GmbH & Co. KG- Ahrensburg, Alemanha.
Classe: Registro Italiano Navale.
Ano de Construção: 2000.
Estaleiro: B.V. Scheepswerf Damen Hoogezand- Foxhol, Holanda- Casco#808. Casco construído em Galati, Roménia.
Comprimento Fora a Fora: 129,45 metros.
Boca Máxima: 15,85 metros.
Calado: 7,39 metros.
Arqueação Bruta: 6,382 toneladas.
Porte Bruto: 8,650 toneladas.
Número de Tripulantes: 13.
Gruas: 2X 60,00 toneladas.
Potência de Máquina: 3,840 kW (5,221 hp), 600,00 rpm. 1 hélice CP, 155,00 rpm.
Velocidade de Serviço: 14,50 nós.
Velocidade Máxima: 15,20 nós.
Potência de Máquinas Auxiliares: 550,00 kW.
Número de Caldeiras: 2.
Potência de Geradores Auxiliares: 968,00 kW.
Potência de Thruster: 400,00 kW (544,00 bhp).
Nomes Anteriores: Beatrice (2000-11/2000), Carola (11/2000-02/2013).




quinta-feira, 15 de junho de 2017

Estreia do HSC "Master Jet", na ilha das Flores







© Copyright fotos: Tito Nóia, Flores.
Bonitas imagens da autoria do amigo, Tito Nóia, relativas à estreia do HSC "Master Jet", no porto das Lajes, ilha das Flores. Nota para a presença no porto florentino do porta-contentores, "Monte Brasil", e do pequeno, "Lusitânia", este último juntamente com a lancha "Ariel", encarregues da ligação com a vizinha ilha do Corvo.

terça-feira, 13 de junho de 2017

Graneleiro "BUNUN GLORY" na Praia da Vitória



© Copyright texto e fotos: Cte Rui Carvalho, Terceira.
Pesquisa de dados técnicos: Paul Peixoto, Boston
 Não é frequente termos por cá navios novos, principalmente graneleiros, no entanto cá está, o N/M "BUNUN GLORY" de 2015, que manifesta 6.160 toneladas de Gluten e DDG (Destilate Dry Grain) de milho para os recebedores UNICOL e Terceirense Rações. Veio de New Orleans e seguirá um dia destes para Ponta Delgada para descarga também.

Nome: BUNUN GLORY.
Tipo: Graneleiro.
IMO: 9539535.
Indicativo: 3EYG6.
MMSI: 352843000.
Bandeira: Panamá.
Porto de Registo: Panamá.
Número Oficial: 46931TT.
Donos e Operadores: Wisdom Marine Lines SA- Taipei City, Taipei Chinês.
Classe: American Bureau of Shipping.
Ano de Construção: 2015.
Estaleiro: Saiki Heavy Industries Co. Ltd.- Saiki, Japão- Casco#573.
Comprimento Fora a Fora: 177,85 metros.
Boca Máxima: 28,66 metros.
Calado: 10,85 metros.
Arqueação Bruta: 22,852 toneladas.
Porte Bruto: 37,046 toneladas.
Número de Tripulantes: 18.
Gruas: 4X 30,50 toneladas.
Potência de Máquina: 7,050 kW (9,585 hp), 110,00 rpm. 1 hélice FP, 110,00 rpm.
Velocidade de Serviço: 14,50 nós.
Potência de Geradores Auxiliares: 1,350 kW.